Saiba como é o curso de Psicopedagogia

É importante que a escolha do curso de graduação seja guiada pelos gostos, habilidades e inclinações do futuro estudante. E, para quem se interessa pela área de educação, o curso de Psicopedagogia pode ser uma excelente opção.

Você também pode acompanhar esse conteúdo em áudio. Aperte o play.

Trata-se de uma alternativa focada nas pessoas e em seus relacionamentos de aprendizagem. Com os conceitos adequados, o profissional consegue identificar quais são as principais necessidades e dificuldades no momento do ensino. Na prática, a atuação é integrada, direcionada e promete resultados positivos para todos.

Quer saber ainda mais sobre os estudos na área? Entenda como é o curso de Psicopedagogia e descubra quais são as suas características e disciplinas mais comuns.

Curso de Empreendedorismo - CTA2

Quais são as principais características da graduação?

A área de um psicopedagogo envolve a atuação para identificar, diagnosticar e tratar problemas de aprendizagem. O profissional também tem a chance de definir as melhores práticas e atividades, o que potencializa o alcance de resultados.

O curso de Psicopedagogia, portanto, envolve todos os aspectos relacionados à aprendizagem. Mais que apresentar metodologias, a graduação explica como reconhecer obstáculos, quais são as soluções para os quadros comuns e assim por diante.

O indivíduo formado ainda tem a chance de desempenhar atividades de inclusão e orientação.

Versátil, o curso favorece a atuação nos setores público e privado, como em escolas, ONGs e centros comunitários. Permite, inclusive, a presença no ambiente hospitalar, de modo a atender às necessidades de cada pessoa.

O que se estuda no curso de Psicopedagogia?

O curso de Psicopedagogia é voltado, principalmente, para os primeiros estágios da educação e do aprendizado. Por isso, a maioria das disciplinas tem a ver com o desenvolvimento cognitivo infantil. Como essa etapa gera impactos em toda a vida, faz sentido dar foco para essa abordagem.

Na matriz curricular, é possível encontrar diversas matérias voltadas tanto para a capacidade de aprender quanto para a interação e comportamento. A seguir, veja quais são algumas das principais disciplinas da graduação em Psicopedagogia.

Psicologia do Desenvolvimento da Criança

Como o foco está na educação infantil, o curso aborda a aprendizagem na infância. O estudo da Psicologia nesse momento ajuda a entender elementos de motivação, processos que ocorrem e possíveis obstáculos.

Fundamentos Sociológicos e Antropológicos da Educação

O ensino também faz parte de um contexto ligado à sociedade e às relações humanas. Essa disciplina visa a compreensão de quais são os fundamentos da Sociologia e da Antropologia que interferem na Psicopedagogia. Em momento oportuno, podem ser usados para obter resultados melhores.

Desenvolvimento Psicomotor na Infância

Além do desenvolvimento intelectual, as crianças passam por mudanças motoras. Entender como acontece o processo ajuda a definir quais são as atividades recomendadas para cada idade e como é o progresso em cada fase.

Psicologia da Educação

Como o ensino está ligado ao funcionamento do cérebro, faz sentido descobrir qual é a psicologia que existe por trás da etapa. Nessa disciplina, os estudantes podem reconhecer quais elementos favorecem ou atrapalham a educação.

Metodologia da Alfabetização e da Matemática

Nos primeiros anos escolares, duas abordagens são essenciais: a alfabetização e as operações matemáticas básicas. Como são dois pilares das fases seguintes, as disciplinas ajudam a entender o que leva à aprendizagem desses aspectos.

Princípios Teóricos da Psicopedagogia

Já no ramo de Psicopedagogia, de forma ampla, é essencial compreender quais são os principais conceitos, teoremas e correntes de atuação. Ao se aprofundar a teoria por trás da atividade, fica mais fácil colocar tudo em prática.

Neurociência e Aprendizagem

Ao entender o funcionamento do sistema nervoso, é possível descobrir meios de favorecer a aprendizagem. O estudo da neurociência aplicada ao conhecimento viabiliza essa abordagem. Assim, o futuro psicopedagogo sabe como melhorar o desempenho com suas práticas.

Instrumentos e Avaliação Psicopedagógicos

Como o profissional é o principal responsável por identificar e retirar entraves, ele tem que usar as ferramentas certas. Isso leva a uma avaliação completa, precisa e que ajuda na definição das ações ideais.

Intervenções Inovadoras na Psicopedagogia em Diferentes Contextos de Aprendizagem

Cada situação é única, e o curso de Psicopedagogia deve levar todas em consideração. Com essa disciplina, é possível compreender as formas de solucionar problemas com inovação em diferentes contextos e exigências.

Transtornos de Aprendizagem e Intervenções Psicopedagógicas Clínicas e Institucionais

Como as situações são únicas, pode ser preciso realizar uma intervenção institucional em certos casos, e clínica, em outros. Com essa disciplina, o estudante conhece os transtornos principais e a quais soluções recorrer em cada um.

Pensamento Clínico e Postura Terapêutica

A Psicopedagogia visa a ajudar os indivíduos e melhorar seus processos cognitivos. São trabalhados o acolhimento ao próximo, o desenvolvimento da autoestima e autoconfiança, bem como os processos de (re)conhecimento de si e do mundo externo.

Políticas Sociais e Educacionais em Psicopedagogia

Além de tudo, o curso de Psicopedagogia traz uma visão sobre o desenvolvimento de políticas voltadas para resolver os principais problemas e otimizar os resultados. Com essa disciplina, o estudante aprende o papel dos planejamentos social e educacional e como elaborá-los.

Outras matérias incluem:

  • Língua Portuguesa: Leitura, Produção de Textos e Literatura Infantil;
  • Neuropsicopedagogia e Aplicação Prática no Processo Diagnóstico;
  • Estudo Socio-histórico e Neuropsicológico da Medicalização Infantil;
  • Psicopedagogia e Intervenções Familiares e Institucionais;
  • Neurofisiologia e Aprendizagem;
  • Neuropatologia Aplicada à Psicopedagogia;
  • Diagnóstico e Intervenção Psicopedagógico Clínico;
  • Educação Inclusiva e Integração Social;
  • Situações Psicossociais em Contextos de Trabalho Comunitário;
  • Multimeios e Aprendizagem, entre outras.

Além da sala de aula, há três estágios obrigatórios: o de Concepção e Organização, o Institucional e o Clínico. Eles permitem que o estudante tenha uma compreensão completa da prática da atividade, o que forma profissionais melhores.

Ao final da graduação, é chegada a hora Trabalho de Conclusão de Curso. Integrado e multidisciplinar, ajuda a garantir que o estudante saiba usar os conceitos e práticas ideais.

Como é a modalidade EAD?

Uma das vantagens de cursar Psicopedagogia, além da chance de ajudar as pessoas, tem a ver com a flexibilidade. Esse é um curso disponível na modalidade a distância, que se encaixa muito bem em qualquer rotina.

A principal diferença é que, nessa alternativa, você poderá fazer os seus horários. Estude quando e onde quiser, pois só é necessário ter acesso à internet. Também é possível visitar polos e aproveitar a estrutura de conhecimento da instituição.

No final, a formação tem o mesmo peso que uma presencial, então não é preciso se preocupar. Trata-se, portanto, de uma alternativa muito conveniente para quem busca a melhor adaptação às necessidades do cotidiano. Não à toa, é possível que o educação a distância ultrapasse o presencial em breve.

Psicopedagogia: uma abordagem completa

O curso de Psicopedagogia traz uma abordagem completa sobre o aprendizado, suas dificuldades e formas de solucionar os problemas. Com a escolha de uma boa instituição, você pode conseguir o diploma para se tornar um profissional de sucesso.

E já que a modalidade a distância é tão interessante, aproveite e conheça o curso de Psicopedagogia da Unicesumar EAD.

Curso de empreendorismo - CTA1

Comentários

Comentários

Deixe o seu comentário

Recomendado para você