No começo da carreira, todo mundo precisa encarar uma mesma dificuldade: a falta de experiência profissional.

Por mais que você já esteja estudando na área, boa parte das vagas de emprego exige uma experiência mínima de dois anos. Mas como se candidatar às oportunidades sem prática no mercado de trabalho?

Colocando a mão na massa! Continue lendo para descobrir como adquirir a experiência profissional que as empresas demandam dos novos profissionais.

Vamos lá?

unicesumar_cta_1_3_modelos_de_curriculo_para_encher_os_olhos_das_empresas

Por que a experiência profissional é uma exigência?

Ainda que você possua todos os conhecimentos esperados para determinada vaga, isso não é suficiente. As empresas costumam exigir um tempo mínimo de experiência profissional por um motivo principal: a postura no ambiente de trabalho.

A postura diz respeito a saber encarar as tarefas com seriedade, saber se portar adequadamente, lidar com hierarquias, entre outras coisas.

Mas fique sabendo que é possível driblar este obstáculo de início de carreira!

É preciso ter proatividade e, sobretudo, saber valorizar as suas habilidades.

Antes de começar a buscar um emprego ou estágio, por exemplo, esforce-se para fazer um currículo perfeito. Ainda, se você não tem experiência profissional, vá em busca das vagas nas quais o seu perfil se encaixa.

Por mais que não seja um momento fácil na carreira de ninguém, mostre aos recrutadores porquê eles devem te dar uma chance.

O que você não deve fazer é achar que não existe solução e deixar a desmotivação tomar conta de tudo, não é mesmo?

Até porque você não precisa necessariamente esperar alguém abrir as portas para você passar. Afinal, você mesmo pode correr atrás disso!

7 dicas para quem precisa adquirir experiência profissional

1. Estágios

Alguns cursos de graduação têm estágio obrigatório nos últimos semestres. Mesmo que o seu não tenha essa exigência, vale a pena se candidatar a vagas de estágio na área que você estuda.

Além de colaborar para o seu aprendizado e turbinar o seu currículo, essa oportunidade é um bom caminho para adquirir experiência profissional. Se você tiver um bom desempenho, pode ter grandes chances de conseguir o seu primeiro emprego na empresa onde estagiou.

Caso não aconteça uma efetivação, você pode se candidatar a outras vagas quando concluir o curso.

Por ter feito estágio, você vai estar um passo a frente dos demais candidatos!

2. Trabalho na faculdade

Você sabia que a maioria das instituições de ensino oferece trabalho para os estudantes? Embora a preferência seja sempre para atuar na área do curso escolhido, existem outras possibilidades.

É possível trabalhar como assistente em algum departamento da faculdade, inclusive em setores que tenham a ver com a carreira que você deseja seguir.

Dessa maneira, ao mesmo tempo em que você aprende, passar a criar sua própria rede de contatos. Apesar de parecer um exagero nos primeiros semestres, é importante começar o networking o quanto antes.

Dependendo do cargo, você pode até mesmo conseguir uma bolsa de estudos ou ter descontos especiais nas mensalidades.

Experiência profissional - faculdade

3. Serviço voluntário

Junto à experiência profissional, o histórico de trabalho voluntário também costuma ser avaliado pelas empresas. Afinal, esse tipo de vivência demonstra comprometimento, interesse e capacidade de colaborar.

Você pode procurar ONGs relacionadas a sua área ou que trabalhem com uma questão que você considera importante. Vá atrás, mostre sua vontade de ajudar e faça o que está ao seu alcance!

Às vezes, a faculdade em que você estuda desenvolve projetos com os quais você pode contribuir. Já pensou nisso?

4. Projeto de pesquisa

Por mais que você não tenha intenção de seguir a carreira acadêmica, a experiência com pesquisa pode ser muito rica. Você não só adquire conhecimento como também tem um outro tipo de vivência profissional.

Há duas opções para fazer isso: criar seu próprio projeto ou contribuir com a pesquisa de um professor.

Nos dois casos, você pode tentar uma bolsa de estudos durante a pesquisa para te ajudar a bancar os gastos do dia a dia.

5. Aulas particulares e monitoria

Na escola, você era o tipo de aluno que se destacava em alguma matéria? Uma alternativa para quem tem facilidade com uma disciplina e deseja ter experiência profissional é dar aulas.

Muitos estudantes de graduação conseguem uma grana extra para ajudar nos estudos dando aulas para quem está no Ensino Médio ou se preparando para o vestibular. Mas essa não é a única opção.

Algumas faculdades oferecem bolsas para os alunos que desejam ser tutores de uma disciplina. Ou seja, ajudam o professor e dão suporte a outros estudantes durante as aulas.

6. Freelas

Hoje cada vez mais profissionais trabalham de forma autônoma, os chamados freelancers.

E encontrar trabalho ficou mais fácil com a internet e as diversas plataformas que reúnem pessoas de todas as áreas.

Isso significa que você pode encontrar oportunidades de conseguir experiência profissional com diversas empresas. O melhor de tudo é que você não precisa nem sair de casa.

Todos os trabalhos que você realizar contribuem para o seu currículo ou até para a criação de um portfólio, caso você atue em uma área ligada à criatividade.

7. Eventos

As faculdades costumam promover diversos eventos como workshops, palestras, seminários, congressos etc. São excelentes maneiras de ficar em dia com os principais assuntos que andam sendo discutidos na sua área.

Além disso, esses espaços são propícios ao networking. Aproveite também para conhecer colegas de profissão que podem ser ótimos contatos para abrir portas no futuro.

Tire proveito de todas as oportunidades

Durante todo o curso – e depois de se formar também –, não deixe de aproveitar tudo o que está ao seu dispor. Como você deve ter percebido, na própria faculdade é possível conseguir experiência profissional.

Acima de tudo, esteja sempre ligado nas novidades da sua área, nas principais discussões do mercado de trabalho e nas oportunidades de se aprimorar.

Uma maneira de fazer isso é acompanhando as redes sociais da Unicesumar EAD! Se você ainda não fez isso, siga-nos no Facebook e no Instagram para ficar por dentro das principais novidades.

cta_2_curriculo

Comentários

Comentários