O coronavírus se tornou o grande assunto no planeta. Todo mundo deseja se proteger e evitar o contágio, mas também começam a surgir os pensamentos sobre o que virá depois. Entre as projeções, uma crise econômica é o cenário mais provável para os próximos meses.

Mesmo com o encerramento ou diminuição do contágio, os especialistas alertam que novas questões surgirão após esse período. Será que você está preparado?

Para tirar essa situação de letra, venha descobrir 4 dicas para sair por cima da crise econômica causada pela pandemia global de 2020.

Vamos lá?

cta2-curso-superior

Crise… que crise?

O coronavírus não é uma questão ligada apenas à saúde pública. Ele também tem tudo a ver com a economia e com o cenário em que o mundo vai se encontrar quando acabar a pandemia.

O motivo é simples: a alteração completa em todo o mercado, desde a produção até a demanda.

É tudo uma questão cíclica: para conter o vírus, medidas de isolamento social tiveram que ser tomadas. Muitas empresas tiveram que fechar temporariamente ou passaram a operar remotamente.

Com menos gente nas ruas, há menos consumo. E, se as empresas vendem menos, têm problemas em manter os funcionários e seus salários. Com a queda do emprego e da renda, há menos consumo.

É por isso que especialistas apontam uma queda na economia global de até 1,9%. Por aqui, na América Latina, a queda de 2020 poderá chegar a 3,8%.

Como ainda não há como saber quanto tempo a pandemia vai durar, quais serão os impactos ou como será feita a recuperação, existe a expectativa latente de uma crise econômica.

Para alguns especialistas, ela será pior que a quebra financeira de 2008 e até que a Grande Depressão, de 1929.

O que aprender nessa situação?

A pandemia de coronavírus é um cenário inédito para a maioria das pessoas — e não só pela crise econômica. Para alguns estudiosos do assunto, essa é a maior situação de emergência de saúde global desde a Gripe Espanhola de 1918.

Parece assustador, não é? Mas, não é hora de se desesperar. Em vez disso, é preciso entender quais são os aprendizados que essa situação tem a oferecer.

Então, que tal descobrir o que podemos tirar de lição? Venha conferir!

Tudo muda muito rapidamente

Se, na metade de 2019, alguém dissesse que 2020 seria o ano de uma pandemia mundial, você duvidaria, não é? Nem mesmo as projeções financeiras mais pessimistas foram capazes de contemplar algo dessa magnitude.

O motivo? O dinamismo que uma pandemia de um vírus altamente contagioso impõe em todos os países.

Mais do que nunca, é hora de reconhecer que tudo muda muito rapidamente. Estamos globalmente conectados e qualquer situação pode causar grandes mudanças. É preciso estar preparado!

Qualquer crise traz oportunidades

A crise econômica que se avizinha após o fim da pandemia do coronavírus não será sentida por todos da mesma maneira. Alguns setores vão até mesmo se beneficiar dessa situação.

Supermercados e farmácias, por exemplo, não viram uma queda na demanda — muito pelo contrário. Depois da pandemia, outros segmentos também terão chances extras de obter recuperação.

A lição que fica é que toda crise traz oportunidades, e cabe a você buscá-las, conhecendo o cenário e aproveitando para dar a volta por cima.

Um passo atrás pode significar dois à frente

O estado de quarentena, declarado em muitos países, pode impactar a economia mundial. Ao mesmo tempo, são essas medidas que ajudam a salvar vidas e a evitar um contágio ainda maior.

Às vezes, o remédio é amargo, mas é necessário. Em algumas situações, o único jeito de avançar é se você retroceder um pouco — até mesmo para evitar danos piores.

De tudo que isso trouxe, vale adotar essa visão para encarar os momentos difíceis e entender que existe uma saída para todas as situações.

Crise econômica - como sair dela

Como sair da crise econômica da melhor maneira? Confira 4 dicas!

Por falar nisso, é hora de começar a se preparar para lidar com os impactos econômicos do vírus que já contagiou mais de 1 milhão de pessoas, até o início de abril de 2020.

A tarefa não é fácil, mas está mais perto da sua realidade que você imagina. Com as decisões certas e com boas expectativas, você poderá superar a crise econômica da melhor forma possível.

Venha descobrir o que você pode fazer!

1. Aumente a sua capacitação profissional!

Não tem mistério: o mercado de trabalho deseja pessoas preparadas para atender às suas necessidades. Para se destacar, é preciso cumprir essa exigência.

Chegou a hora de investir na sua qualificação profissional, especialmente durante a quarentena. Como fazer isso? Por meio da educação a distância!

Ao escolher uma graduação EAD, você terá a chance de aprender em qualquer lugar e como quiser, com a ajuda da internet é claro. Além de tudo, é uma forma de cuidar bem das suas finanças, já que os custos são menores do que numa faculdade presencial, por exemplo.

A dica é escolher uma área com a qual tenha afinidade e, claro, que vai estar em alta após a pandemia. Com o apoio de uma boa instituição, com certeza, você conquistará o diploma que fará a diferença na sua vida!

2. Acompanhe as notícias e as tendências!

Além de se tornar mais capacitado em termos de conhecimentos e habilidades, é preciso ficar por dentro do que acontece no mundo. No universo de negócios, isso é especialmente importante.

Portanto, fique por dentro de todas as notícias sobre a crise econômica, a pandemia e o setor do seu interesse.

Entenda quais são as medidas que têm sido tomadas, quais são as expectativas para o segmento e o que se destaca como tendência. Assim, é possível estar pronto para o que virá.

3. Não se acomode e nem se dê por vencido!

Uma crise econômica é sempre difícil. E quando ela se anuncia como a maior em décadas, o receio se torna ainda maior. Mas, não é hora para desistir!

Ainda que a situação pareça complicada após o fim da pandemia, é essencial insistir e se dedicar para driblar essas dificuldades. E só faz isso quem não se acomoda.

Não se deixe desestimular na busca por capacitação profissional e procure melhorar cada vez mais o seu currículo.

Com um bom plano e a atuação adequada, as suas chances vão se multiplicar. E fique de olho: isso vale muito a pena para a sua vida pessoal!

4. Esteja pronto para mudar!

Já que não é o momento para se acomodar, você também tem que se preparar para acompanhar grandes mudanças em curtos períodos.

Não há como saber o que vai acontecer com o mercado ou como será a recuperação da economia. O que é possível prever é que muita coisa vai mudar — provavelmente, de maneira definitiva.

As empresas terão novas formas de agir e você terá que ser capaz de se adaptar a esta nova realidade. Quanto maior for a sua flexibilidade e mais preparado você estiver, maiores serão as chances de fugir da avalanche.

Inclusive, essa será uma dica valiosa para a vida daqui para frente. Esteja pronto para encarar a mudança em vez de resistir a ela.

Crise econômica: é possível superar essa situação passageira!

Em vez de se desesperar com uma possível crise econômica causada pelo coronavírus, aproveite para se preparar. Com as decisões certas, com certeza, você conseguirá sair da situação de um jeito mais fácil. Seja otimista e mantenha o pensamento positivo, isso também te ajudará a olhar para o futuro de uma forma diferente!

Para acompanhar todas as novidades e ter outras dicas, acompanhe as atualizações em nosso blog e curta a página da UniCesumar no Facebook e nos siga no Instagram!

cta1-curso-superior

Comentários

Comentários