A Engenharia Civil é uma das profissões mais admiradas e valorizadas, não apenas no Brasil, como em todo o mundo. A tradição do estudo básico da engenharia começou nesse ramo, visto que o engenheiro civil é o profissional responsável pela estruturação de tudo que envolve a criação de uma cidade: moradia, saneamento básico e transporte.

Apesar de parecer ser um profissional indispensável para o mundo em que vivemos, parece ter mudado um pouco a maneira como o mercado atual demanda e vê sua atuação..

O mundo está sempre mudando e os profissionais precisam estar prontos para se adaptar para o que pode vir por aí.

Por isso, que tal conhecer as oportunidades e desafios que aguardam o engenheiro civil do futuro?

engenheiro civil - cta2

 

O que faz um engenheiro civil?

É difícil imaginar, hoje, como seriam as nossas cidades sem a presença de um engenheiro civil. São os engenheiros os responsáveis por:

  • Levantar casas, prédios e centros comerciais;
  • Desenhar e criar todo o fluxo de transporte de água e esgoto para as diferentes regiões da cidade;
  • Pensar e estruturar toda a malha viária das cidades e rodovias que ligam o país.

Todas as estruturas em que pisamos e vivemos hoje são fruto da obra de algum engenheiro civil.

Eles não apenas estão envolvidos no processo final, que é o pátio de construção de alguma estrutura civil, como também participam das pesquisas, desenvolvimento e concepção do projeto que leva até ele.

O engenheiro civil é um profissional com uma noção ampla em cálculos matemáticos, física, gestão de projetos, gestão de pessoas e finanças, capaz de se tornar uma referência para os que trabalham com ele.

Atualmente, engenheiros são profissionais requisitados não apenas na construção civil, mas também em várias áreas de atuação que envolvem gestão de projetos, gestão de pessoas e gestão financeira. Por isso, o engenheiro civil hoje é um profissional multifacetado e pronto para atender as demandas de diferentes mercados.

Quais são as mudanças que ocorreram nesse cenário profissional?

De acordo com o Conselho Federal de Engenharia e Arquitetura (Confea), o Brasil ainda sofre com um déficit de engenheiros civis quando é avaliada a demanda desse profissional no mercado.

Por muito tempo, o curso de Engenharia Civil era um dos que mais formava profissionais, mas o perfil dos universitários brasileiros e o interesse por esse mercado mudou muito. Hoje, somos um dos países que menos forma engenheiros no mundo – e vários dos graduados não estão prontos para se adaptar a um mercado mais moderno e tecnológico.

O mercado para o engenheiro mudou

O que também tem acontecido muito com os engenheiros civis formados no Brasil é um abandono de sua área de formação para atuar em mercados que valorizam seus conhecimentos técnicos. Hoje, engenheiros civis trabalham em bancos, consultorias, hospitais e muitas outras empresas que não têm a Engenharia Civil como foco.

O resultado é um vácuo ainda maior entre as necessidades das construtoras, imobiliárias e incorporadoras, e o interesse do engenheiro em seguir nesse ramo de atuação.

Os empregadores também têm culpa

Vale dizer também que existe uma culpa do mercado nessa situação atual. Não se paga um valor adequado para o engenheiro civil especializado se manter na área. E os recém-formados que entram nessas vagas não se sentem interessados em se diferenciar, deixando o mercado ainda mais defasado e pouco competitivo.

A queda do mercado imobiliário assustou novos formandos

É importante lembrar também que a Engenharia Civil sofreu um grande baque no mercado brasileiro em meados de 2012, com efeitos que são sentidos até hoje. Com a queda da valorização do setor imobiliário, empresas têm pagado menos e procurado menos profissionais capacitados para suas vagas.

Essa situação afastou potenciais estudantes interessados em atuar como engenheiros civis, para formar em outros ramos da engenharia, que poderiam garantir maior segurança no mercado de trabalho.

Mercado aquecido em outras partes do mundo

Apesar do Brasil ter sofrido um desaquecimento do mercado de Engenharia Civil, é importante abrir os olhos para as oportunidades que surgem em outros locais do mundo. O engenheiro civil ainda é um profissional requisitado, mas que precisa estar pronto para se diferenciar em um ambiente moderno e tecnológico que vai demandar dele muito mais do que apenas conhecimentos técnicos.

Engenheiro civil deve estar preparado para trabalhar com vários recursos tecnológicos

O que se espera de um futuro engenheiro civil?

Mas com todo esse cenário que se passou nos últimos anos, o que esperar do futuro engenheiro civil?

Algumas apostas do mercado já podem ser percebidas para esses profissionais:

Sustentabilidade e construção

O mercado moderno tem, cada vez mais, falado em sustentabilidade e em como tornar a nossa vida na Terra mais harmoniosa com o ambiente em que vivemos. Engenheiros civis que trabalham com foco em sustentabilidade e construção têm grande oportunidade de se destacar nesse mercado.

Conhecimento de novos materiais

Um mundo mais moderno e sustentável vai exigir do profissional engenheiro um grande conhecimento em novos materiais que podem ser utilizados na construção civil. Mais resistentes, menos poluentes, mais flexíveis e reutilizáveis.

O profissional que se especializa nessa ciência terá grandes oportunidades de mercado.

Construções inteligentes e modernas

Não adianta apenas ser capaz de construir uma estrutura. Para o engenheiro, será necessário que ela também seja inteligente e moderna, capaz de melhorar a relação entre a sociedade e o ambiente em que ela vive.

Otimização de espaço, uso inteligente dos recursos naturais e controle automatizado de tarefas e dispositivos são algumas das opções de técnicas do futuro para esse profissional.

Conhecimento tecnológico e habilidade de adaptação

O novo engenheiro civil deve estar sempre acompanhando o avanço da tecnologia nesse mercado. Por isso, o profissional que tem facilidade em se manter atualizado e compreender as novas tendências que chegam ao mercado, vai se destacar com muito mais facilidade em qualquer área de atuação.

Quais são as principais habilidades esperadas para esse profissional?

O engenheiro civil do futuro já é um profissional demandado pelo mercado atual, mas quais são as características esperadas para ele? Algumas habilidades que devem ser desenvolvidas são:

  • Conhecimentos científicos e tecnológicos modernos;
  • Capacidade de análise do mercado atual;
  • Ampla capacidade de gerenciamento (de pessoas, finanças, projetos);
  • Foco em projetos que visam o bem-estar;
  • Foco em sustentabilidade;
  • Conhecimento e melhor aproveitamento dos recursos naturais;
  • Flexibilidade e capacidade de se reinventar;
  • Criatividade para lidar com novos desafios e incertezas;
  • Grande capacidade de trabalho em equipe multidisciplinar;
  • Grande senso de liderança;
  • Sensibilidade social e capacidade de comunicação;
  • Comportamento de empreendedor;
  • Facilidade de comunicação em mais de uma língua.

Como adquirir tais habilidades e se tornar competitivo para o mercado?

Para se tornar um engenheiro civil competitivo para o mercado é importante que esse profissional saiba que, além da formação básica em um curso de Instituição de Ensino Superior conceituado, ele precisará buscar outros conhecimentos.

Por isso, ele precisará, antes, durante e após o curso:

  • Viver experiências práticas em diferentes áreas;
  • Realizar cursos e disciplinas complementares sobre temas de interesse da área;
  • Praticar habilidades e conhecimentos extraclasse (em estágios, projetos sociais e trabalhos voluntários);
  • Manter-se atualizado tecnicamente, politicamente e economicamente;
  • Participar de eventos, congressos, workshops e cursos na sua área;
  • Estudar novas tecnologias e descobertas;
  • Buscar formações complementares em MBAs, mestrados, doutorados ou outros cursos superiores.

A Engenharia Civil é, portanto, a profissão do futuro em muitos aspectos.

Quem chega nesse mercado de trabalho precisa estar pronto para enfrentar esses novos desafios e colocar seus conhecimentos em prática, em prol do desenvolvimento da sociedade em que vive.

Está pensando em estudar Engenharia Civil?

Conheça o curso da Unicesumar, que conta com uma metodologia diferenciada para garantir a melhor formação para seus alunos!

 

engenheiro civil - cta1

Comentários

Comentários