Gestores de RH são profissionais valorizados pelo mercado de trabalho. Afinal de contas, o capital humano é o recurso mais valioso que uma empresa possui. Saiba, desde já, que gerenciar esse capital da melhor maneira possível é fundamental para qualquer organização de qualquer porte. Mas como se capacitar para exercer essa função? O que se aprende na faculdade de Gestão de Recursos Humanos?

Se você está interessado em construir uma carreira nessa área e buscar mais informações a respeito do curso, está no lugar certo!

Este artigo vai mostrar quais são as habilidades desenvolvidas pelos estudantes, além das disciplinas estudadas em um faculdade de Gestão de Recursos Humanos, carga horária e perfil profissional.   

Vamos lá?

cta1-rh

1. O que se estuda em uma faculdade de Gestão de Recursos Humanos?

Muitos acreditam que a Gestão de RH lida somente com as questões burocráticas que regem a contratação, a manutenção e a dispensa dos funcionários. É claro que essas atividades fazem parte do pacote. No entanto, tanto em organizações públicas quanto em empresas privadas, o profissional vai lidar com desafios e responsabilidades que vão muito além das tarefas burocráticas.

Por isso, as disciplinas estudadas na faculdade abrangem conhecimentos diversos, como Administração, Empreendedorismo, Gestão de Pessoas, Psicologia, Capacitação, Recrutamento e Seleção, Legislação Trabalhista e Previdenciária, Cargos, Salários e Benefícios, Gestão de Desempenho e Competências, Departamento Pessoal, Motivação, Liderança e Gestão de Equipes. Todos esses saberes são essenciais e contribuem para que o futuro gestor possa lidar com desafios coletivos e individuais da convivência humana no ambiente de trabalho.

https://www.youtube.com/watch?v=FEeRs6oDM0Y&feature=youtu.be

2. Qual é a duração do curso e as disciplinas que compõem a grade curricular?

Para começo de conversa, entenda que é preciso se capacitar para construir uma carreira nessa área. Essa capacitação ocorre em um curso de tecnólogo (considerado Ensino Superior) em Gestão de Recurso Humanos e é comprovada pelo certificado emitido ao final dele.  

Esse curso tem duração de 2 anos (em torno de 1.800 horas) e costuma ser segmentado em módulos ou períodos. Ele está disponível nas modalidades presencial e EAD.

Como já destacamos, disciplinas das Ciências Humanas e também das Exatas compõem a grade curricular. Confira alguns exemplos do que se aprende em uma faculdade de Gestão de Recursos Humanos:

  • Empreendedorismo;
  • Gestão de Pessoas e Desenvolvimento de Equipes;
  • Capacitação e Desenvolvimento de Pessoas ;
  • Cargos, Salários e Benefícios;
  • Noções de Gestão Financeira;
  • Organização, Sistemas e Métodos;
  • Gestão do Conhecimento;
  • Legislação Trabalhista e Relações Sindicais;
  • Gestão de Desempenho;
  • Formação Sociocultural e Ética.

Vejas as matérias de uma faculdade de Gestão de Recursos Humanos

 

O gestor de RH utiliza diversas técnicas para garantir a convivência ética e o desenvolvimento profissional dos colaboradores de uma empresa, além de focar nos resultados da organização. Assim, cada matéria abordada visa habilitar o estudante para, no futuro, saber gerenciar pessoas e conflitos dentro de uma organização.

3. Quais são as responsabilidades de um gestor de RH?

O profissional de RH é responsável pelos processos de recrutar, selecionar, desenvolver, avaliar, remunerar e manter os profissionais na empresa. Em outras palavras, esse gestor acompanha a jornada de todos os outros profissionais dentro de uma organização.

É ele que vai identificar novos talentos e criar estratégias para que os funcionários já contratados desenvolvam seu potencial.

Entre suas atividades principais, estão incentivar o desenvolvimento de determinadas competências por parte dos colaboradores, garantir sua adaptação à cultura organizacional, receber e dar feedbacks, zelar por um ambiente de trabalho saudável, harmônico e seguro, promover eventos e conscientizar todos os colaboradores a respeito de seus direitos e responsabilidades.  

Outra atividade que pode ser desenvolvida por esse gestor é o treinamento, capacitação e desenvolvimentos dos talentos da empresa. Além disso, ele também é responsável por desenvolver planos de carreiras coerentes com os pisos salariais e pressupostos estabelecidos pela legislação de cada profissão.  

4. Quais habilidades são desenvolvidas durante o curso e qual é o perfil dessa profissional?

Para conseguir dar conta de todas essas demandas, as habilidades técnicas desenvolvidas durante o curso englobam conhecimentos de legislação, planejamento estratégico, capacidade analítica e comunicativa, negociação, facilidade em conciliar interesses e foco em soluções e ainda conhecimentos sobre metodologias e técnicas para implantação de práticas e políticas de RH.

Ou seja, esse profissional precisa saber “ler” as pessoas e saber se comunicar com elas.

Já as habilidades comportamentais estão relacionadas à liderança, resiliência, inteligência emocional, relacionamento, observação, assertividade e visão ampla de negócio.

Sabemos que o mercado de trabalho é sazonal e que as empresas têm uma rotatividade alta de colaboradores. É também comum que elas passem por turbulências internas, reestruturações, mudanças na equipe de gestores, nas equipes técnicas e adaptação de setores a novas tecnologias. É importante que o gestor de RH saiba manter o equilíbrio a despeito dessas flutuações de forma a estar a frente, coordenando e contribuindo para o bom andamento dos trabalhos.

Ele é o responsável por manter uma unidade a partir da cultura empresarial e por incentivar o sentimento de pertencimento daqueles que trabalham nela.

5. Onde ele pode atuar uma vez formado?

O gestor de RH pode atuar tanto em organizações públicas quanto em empresas privadas, em empresas de recrutamento terceirizado, escritórios de consultoria e até como autônomo.

Com a economia em crise, esse profissional torna-se ainda mais valorizado, já que as empresas precisam reter talentos e especialistas. Além disso, as organizações necessitam avaliar o desempenho de suas atuais equipes, buscando estratégias para otimizar a produtividade, muitas vezes procedendo com o remanejamento ou desligamento daqueles que não consigam atender às expectativas. Para viabilizar essas ações, é preciso conhecer os pormenores da legislação trabalhista e lidar com os sindicatos.

Nesse sentido, o gestor de RH atua fortemente como um guia para as empresas e também como um mediador entre elas e seus colaboradores.  

6. Qual é a necessidade de se especializar?

Para conseguir melhores oportunidades de atuação, você poderá investir em uma pós-graduação stricto sensu ou lato sensu nessa área. A pós-graduação stricto sensu é direcionada aos profissionais que desejam construir carreira no meio acadêmico. Mestrado e doutorado são as principais capacitações nesse sentido, e duram, respectivamente, dois e quatro anos.

lato sensu diz respeito aos cursos voltados ao mercado de trabalho, como MBAs e especializações. Geralmente, essa pós-graduação dura menos do que as modalidades acadêmicas, variando de um ano e meio a dois anos.

Se você optar por se tornar um especialista em RH, certamente ganhará mais destaque na hora de competir por cargos e promoções.

7. Quais são as vantagens competitivas da faculdade de Gestão de Recursos Humanos?

Ao investir em uma faculdade de Gestão de Recursos Humanos, você estará abrindo caminho para atuar em empresas de pequeno e médio porte, além de construir conhecimentos sólidos e dominar técnicas de gestão de pessoas, liderança, gestão de negócios e carreiras. Você será um profissional reconhecido e valorizado pelo mercado.

Está se sentindo inspirado para começar a construir seu futuro? Então conheça nossa graduação EAD na área de Gestão de Recursos Humanos e se surpreenda!

cta2-rh

Comentários

Comentários