Você sabia que é possível se graduar em um curso de Teologia? Esse bacharelado, que estuda a natureza das religiões, seus atributos e relações com o homem, é reconhecido pelo Ministério da Educação e considerado bastante interessante e recompensador pelos alunos.

Está interessado, mas não sabe o que se estuda ao longo da graduação? Vem com a gente conhecer os tipos de cursos de Teologia e conferir os principais tópicos vistos em sala de aula!

Tipos de curso de Teologia

Antes de mergulharmos nas matérias da graduação, é importante falar sobre 3 tipos de curso de Teologia.

O primeiro deles é o curso de Teologia básico, que geralmente é ministrado em igrejas e duram cerca de dois anos. Esse curso é direcionado a pessoas que desejam aprimorar seus conhecimentos bíblicos e pretendem atuar como um membro ativo da congregação, participando do planejamento, administração e organização de atividades do templo.

O segundo é o curso de Teologia ministrado em Seminários Teológicos, isto é, instituições de ensino que preparam pessoas que pretendem entrar na vida eclesiástica. Essa formação dura em média 4 anos e tem como objetivo preparar o estudante para a atividade sacerdotal. Por exemplo, padres católicos e pastores evangélicos fazem esse curso antes de se tornarem líderes de uma igreja.

Por fim, temos a graduação em Teologia reconhecida pelo Ministério da Educação e oferecida por faculdades e centros universitários brasileiros. Esse curso forma teólogos que podem atuar como líderes religiosos ou pesquisadores do saber teológico. Ao final dos estudos, o formando recebe um diploma com a titulação de bacharel ou licenciado em Teologia.

cta6

O que se estuda no curso de Teologia

Agora que você já sabe a diferença entres os três tipos de curso, confira algumas disciplinas estudadas na graduação em Teologia:

História da Igreja

Nesta matéria, você mergulha no passado da Igreja para construir uma visão histórica sobre o Cristianismo. Dá uma olhada nos principais tópicos vistos em aula:

  • história social de Israel;
  • relação do cristianismo com o mundo antigo;
  • origens judaicas e gregas do cristianismo e sua expansão no Mediterrâneo Antigo;
  • cotidiano dos primeiros cristãos;
  • relação do cristianismo com o mundo europeu medieval;
  • cotidiano medieval, inquisição, cruzadas e pré-reforma;
  • reforma protestante;
  • história da Igreja no Brasil.

Métodos e Interpretação Bíblica

A leitura da Bíblia é uma prática fundamental para o futuro teólogo. É nesta disciplina que você vai aprender tudo sobre essa atividade desafiadora para poder ler, estudar e compreender a Bíblia com mais clareza e facilidade.

Confira o que você vai estudar ao longo das aulas:

  • o que é exegese bíblica e quais são seus elementos essenciais;
  • os diferentes métodos de interpretação (histórico-crítica, fundamentalista, estruturalista, tipológico, entre outros);
  • o debate sobre a natureza do trabalho exegético;
  • a relação entre exegese e hermenêutica.

Mas apenas ler em português não basta! O aluno do curso de Teologia deve ser capaz também de fazer a leitura dos livros bíblicos em suas línguas originais, como você vai ver a seguir.

Os estudos bíblicos curso de Teologia

Línguas Bíblicas (Hebraico e Grego)

Você deve saber que a Bíblia foi originalmente escrita em línguas diferentes, não é mesmo? O Antigo Testamento utilizou dois idiomas: uma parte considerável foi redigida em hebraico e a outra parte em aramaico. Já o Novo Testamento foi todo escrito em grego.

É por isso que você estuda duas dessas línguas bíblicas no curso de Teologia! Com um conhecimento instrumental, você pode fazer a leitura dos livros em cópias do texto original e ter mais confiança em sua interpretação.

Veja os principais temas que aprenderá sobre o idioma grego:

  • o alfabeto grego, os acentos e as aspirações;
  • as declinações (nominativo, vocativo, acusativo, genitivo e dativo);
  • os verbos gregos;
  • estruturas sintáticas básicas.

Agora, confira os tópicos essenciais relacionados à língua hebraica:

  • a escrita e o alfabeto hebraico;
  • o desenvolvimento e o renascimento do hebraico;
  • substantivos, adjetivos, pronomes pessoais e demonstrativos.
  • linguística e fonética para compreender hebraico.

“Mas tenho mesmo que aprender esses idiomas?” Sim!

Essas noções basilares sobre a língua hebraica e a língua grega ajudam o estudante na leitura bíblica e na consulta de obras produzidas nesses idiomas, evitando “ficar preso” à traduções polêmicas e duvidosas.

Teologia Sistemática

Nesta disciplina, você vai aprender sobre um dos três ramos da Teologia: a Teologia Sistemática. Essa área reúne os principais conceitos e tópicos da fé cristã e organiza os saberes teológicos.

Por exemplo, ao abordar o tema “doutrina da salvação”, estuda-se sobre a definição de termos, o propósito da salvação, as consequências da morte de Cristo, os elementos da salvação, o lado humano da salvação e os benefícios da salvação.   

Confira alguns conceitos e tópicos que são abordados nas aulas desta matéria:

  • doutrina da salvação (o propósito e alcance da salvação, a morte de Cristo, o amor, a graça, a imutabilidade e as promessas de Deus, a conversão, o arrependimento, a fé salvadora e a regeneração, a justificação, a adoção e a santificação);
  • doutrina de Jesus Cristo (a influência, a humanidade, a divindade, a natureza e os nomes de Cristo);
  • doutrina de Deus (a existência, a natureza, as teorias erradas, os nomes e os atributos de Deus);
  • doutrina do Espírito Santo (a natureza, a obra, o batismo e os dons espirituais);
  • natureza e atributos da Igreja;
  • governo eclesiástico e sacramentos;
  • natureza escatológica da mensagem bíblica.

Estudo das Religiões

Você gosta de analisar fenômenos humanos? Nesta disciplina, você vai entrar de cabeça nos estudos sobre o fenômeno religioso, os seus efeitos na sociedade e a sua ligação com outras áreas do conhecimento, como psicologia, antropologia e filosofia.

Dá uma olhada em alguns dos temas vistos em aula:

  • o fenômeno religioso;
  • métodos das Ciências da Religião;
  • a Teologia e as Ciências da Religião;
  • religião e modernidade;
  • religião como instituição;
  • a filosofia clássica grega e a religião;
  • psicologia, psicoterapia e religião;
  • antropologia e religião;
  • o sagrado e o profano;
  • simbolismo religioso;
  • tradições religiosas ocidentais, orientais, indígenas e afro-brasileiras;
  • a Ciência da Religião e o campo de atuação do cientista da religião no Brasil.

Pronto! Agora você está bem informado sobre o que se estuda no curso de Teologia.

Se você deseja atuar como líder religioso ou se dedicar à pesquisa do saber teológico, prepare-se com uma graduação reconhecida com nota máxima pelo MEC.

Confira todos os detalhes do bacharelado em Teologia que você pode fazer a distância!

cta1

Comentários

Comentários