O relacionamento interpessoal é o processo de conhecer, interagir e criar laços com indivíduos ou um grupo. No caso do trabalho, podem ser os colegas, chefes ou qualquer outra pessoa que chegue em nossa vida por meios profissionais.

Um bom clima organizacional é fundamental para que qualquer empresa tenha sucesso, além de ser importante para promover o bem-estar e o conforto dos colaboradores.

Neste post, além de entender o que são essas relações, você será capaz de visualizar, de forma prática, os principais benefícios e maneiras de construir um bom clima organizacional no coletivo. Confira!

Quais as fases do relacionamento interpessoal?

O relacionamento interpessoal possui cinco fases diferentes, sendo que as duas últimas listadas a seguir são evitáveis. Veja só!

  1. Aproximação: quando os membros do time se conhecem e identificam características em comum;
  2. Construção: essa identificação é transformada em um relacionamento, então as pessoas começam a construir laços;
  3. Continuação: esses laços amadurecem e o relacionamento interpessoal passa por um processo de continuidade, podendo ir além do ambiente de trabalho e se transformando em uma amizade;
  4. Deterioração: quando conflitos começam a surgir no relacionamento e não são resolvidos, a fase de deterioração pode acontecer, gerando desgastes que precisam ser enfrentados;
  5. Finalização: caso esses desgastes permaneçam acontecendo, as pessoas acabam se separando e colocando um fim no relacionamento interpessoal.

Qual a importância das relações interpessoais no trabalho?

Uma pessoa passa, geralmente, um terço do seu dia no trabalho. É importante que esses momentos sejam vividos de maneira leve e positiva, já que um ambiente desgastante prejudica tanto o colaborador quanto a empresa.

E já que dificilmente uma pessoa passa esses momentos 100% sozinha, precisamos nos atentar em relação aos laços criados entre os colegas, para que eles sirvam para motivar e agregar, não o contrário, gerando estresse e conflitos.

Listamos 3 pontos que destacam a importância das relações interpessoais no trabalho. Acompanhe!

1. Melhoram o clima organizacional

O clima organizacional é um bom indicativo de como os colaboradores se sentem na empresa. Quando ele não está em bons níveis, é bem provável que o time apresente sinais de:

  • desânimo;
  • ansiedade;
  • procrastinação;
  • isolamento;
  • tristeza.

Não precisamos nem explicar sobre o quanto esses sentimentos não são legais, certo? Quando as pessoas se sentem seguras o suficiente para criar relações valiosas com os colegas, o clima acompanha essa evolução.

2. Tornam a comunicação mais eficiente

Quando a comunicação não acontece conforme deveria, as pessoas acabam se tornando mais vulneráveis aos erros. Uma simples mensagem passada de forma indevida é capaz de gerar transtornos consideráveis para toda a empresa — e isso pode acontecer quando as pessoas não se sentem confortáveis umas com as outras.

3. Aumentam a produtividade

Uma frase que pode soar clichê para muitas pessoas é: “juntos vamos mais longe”. Mas é verdade! Pense em dois cenários diferentes. Em um deles, temos várias pessoas trabalhando de forma individual rumo à mesma meta. No outro, um grupo com os mesmos objetivos une os esforços.

O segundo cenário é muito mais produtivo e abre espaço para a criatividade, já que é possível unir o melhor de cada pessoa na hora de alcançar os objetivos da empresa. A individualidade, fruto da falta de relações interpessoais, é improdutiva, já que:

  • várias pessoas podem estar fazendo a mesma coisa sem saber;
  • uma das pessoas pode já ter testado algum caminho e descoberto que aquele não é o melhor ou que existem oportunidades mais interessantes no momento.

Como desenvolver relações interpessoais no trabalho?

Agora que você já entendeu a importância de desenvolver as relações interpessoais no trabalho, é hora de conhecer maneiras práticas de desenvolvê-las. Citamos, a seguir, 4 exemplos que podem ser aplicados de maneira simples e sem muito esforço.

1. Pratique a escuta ativa

A habilidade de quem pratica bem a escuta ativa vai além do “fazer silêncio e prestar atenção” quando alguém está falando. É também a capacidade de interpretar as informações corretamente e conseguir pensar em formas de agir a partir do que foi dito — e não deixar a mensagem morrer em uma única conversa.

A escuta ativa representa a preocupação com o próximo e o interesse genuíno em trabalhar de forma colaborativa.

2. Esteja aberto para feedbacks

Feedbacks são importantes em todos os momentos, não apenas quando estamos construindo relações interpessoais no trabalho. Isso porque cada pessoa tem sua visão de mundo e pode agregar muito na vida do outro. Afinal, uma nova perspectiva sempre cai bem, certo?

Além disso, a base de qualquer relacionamento é o diálogo e a confiança para trazer questões importantes para o outro. Pensando nisso, desenvolva esse senso de receber e dar feedbacks e incentive os seus colegas a fazerem a mesma coisa. As relações darão um grande salto a partir desse momento!

3. Respeite as diferenças

Não conseguimos nos relacionar de maneira honesta com o outro sem entender que somos seres únicos. Saber disso significa abraçar as diferenças e ser tolerante ao encontrar algo capaz de gerar pontos de discórdia.

E é justamente nesse amontoado de contextos profissionais, currículos, diferenças de pensamento ou visão de mundo que conseguimos gerar ótimas ideias. Pense na quantidade de coisas que as pessoas ao seu redor podem agregar de diferente — algo extremamente normal, já que é impossível saber de tudo e acumular todos os pontos de vista do mundo.

4. Seja prestativo

Pequenas ações já são capazes de construir ótimas relações interpessoais no trabalho. Sabe aquele colega novo que está meio perdido? Que tal ajudá-lo com um pouco de contexto? Aquela pessoa que voltou de férias ou de licença, assim como o estagiário que tem muito a aprender e precisa de dicas para ser efetivado. A lista é grande!

Esses momentos de vulnerabilidade podem ser fundamentais para iniciar um relacionamento genuíno. Esteja pronto para acolher os colegas sabendo que, provavelmente, quando precisar, também terá esse ponto de apoio.

Já dizia Walt Disney: “você pode sonhar, criar, desenhar e construir o lugar mais maravilhoso do mundo. Mas é necessário ter pessoas para transformar seus sonhos em realidade”!

E então? O que achou sobre o conceito das relações interpessoais no trabalho e seus desdobramentos práticos? Aproveite para deixar um comentário com as suas impressões sobre o tema!

Comentários

Comentários