Já é notório que diversas empresas estão recorrendo ao LinkedIn a fim de buscar colaboradores para as suas equipes. Por isso, é fundamental que os candidatos que estão buscando uma boa oportunidade de trabalho saibam como criar um perfil no LinkedIn e fazer networking da melhor forma para chamar a atenção dos empregadores.

Nos últimos anos, a rede social voltada para a profissionalização vem apresentando um crescimento significativo, sobretudo devido à pandemia. O LinkedIn, de fato, pode ser muito poderoso para abrir portas no mercado de trabalho, mesmo que você tenha poucos diferenciais no currículo.

Acompanhe a seguir e confira uma série de dicas eficientes sobre como criar um perfil no LinkedIn atrativo para os contratantes!

Acesse a página e crie a conta

O primeiro passo é acessar a página ou o aplicativo oficial do LinkedIn e criar uma conta. Para isso, basta clicar em “Cadastre-se agora”, digitar o seu e-mail e criar uma senha de acesso à plataforma. Você precisa confirmar a política de segurança do site e algumas informações que serão solicitadas, como nome completo, cidade, estado e país de residência.

Outro dado solicitado é em relação ao cargo e à empresa mais recente onde trabalhou. Caso a organização tenha uma página no LinkedIn, você pode encontrá-la na lista e se conectar ao perfil. Também é possível se conectar com colegas, amigos e familiares que fazem parte da rede social para visualizar o que eles publicam.

Escolha uma boa foto

Outra dica essencial é escolher uma foto de qualidade para manter o seu perfil mais atrativo. A indicação é inserir uma foto com uma postura ponderada que mostre bem o seu rosto. Lembrando que essa rede é voltada para a vida profissional, portanto evite ao máximo colocar fotos suas em festas e paisagens aleatórias.

Na própria plataforma, é possível editar algumas configurações da foto, como zoom, ângulos e filtros. Pode não parecer, mas grande parte dos recrutadores visualizam muito mais os perfis que contém fotos. Ou seja, é um aspecto que precisa ser priorizado caso o seu intuito seja criar uma página completa e com inúmeras visualizações.

Pense em um título estratégico

Depois da foto, o que os recrutadores mais olham é o título profissional dos candidatos. Ele consiste em uma linha com poucas palavras que aparece logo abaixo do nome. A ideia é que o profissional consiga definir suas funções e qual o momento atual da sua profissão no campo de atuação escolhido. 

Por isso, o título é considerado uma informação bastante estratégica. Mesmo que você já tenha passado por diversas ocupações, por exemplo, é importante escolher um título capaz de representar a sua principal função na atualidade. O site impõe um limite de até 120 caracteres com espaços para escrever. A vantagem é que esse campo pode ser alterado sempre que necessário.

Configure a imagem de fundo

Assim como a foto, é possível configurar uma imagem de fundo para o seu perfil. Essa imagem tem um tamanho recomendado de 1584 x 396 pixels. Basta escolher uma imagem adequada e clicar em “Aplicar” para realizar as alterações.

Dessa forma, um número alto de pessoas poderão encontrar e se conectar ao seu perfil. Tenha em mente que quanto mais completas forem as informações da sua página, mais chances você tem de aumentar suas visualizações. Apenas opte por uma imagem de fundo que tenha relação com o seu momento profissional atual, combinado?

Acrescente informações na opção “Sobre”

Na opção “Sobre”, você pode escrever até 2 mil caracteres, selecionando as informações mais relevantes e atrativas sobre o seu perfil. É uma boa chance de categorizar o que você quer apresentar na sua página e de não repetir os dados apresentados em outras seções. 

Uma dica é contar um pouco da sua história de uma forma contextualizada com a sua vida profissional. O resumo precisa ser claro, bem escrito e objetivo para chamar a atenção de quem visita o seu perfil. Então, tenha bastante atenção ao inserir informações nesse campo.

Inclua as experiências e formações

Para ter ainda mais chances de se conectar aos contratantes certos, é interessante incluir todos os dados de experiências e formações que você tem no currículo. Essa é uma maneira simples e prática de incluir certificações e participação em palestras e cursos.

Um dos grandes diferenciais, de fato, é inserir um diploma de Ensino Superior ao seu perfil. Esse é um dos principais requisitos para os recrutadores que buscam pelos melhores candidatos do mercado de trabalho.

Lembre-se de colocar as competências

Além das titulações, é interessante inserir quais são as suas principais habilidades e competências. Você pode, por exemplo, evidenciar as qualidades técnicas que tem desenvolvido ao longo da carreira com relação ao seu trabalho. 

Geralmente, o LinkedIn sugere as competências com base no que você preencheu em seu perfil. É possível adicionar até 50 itens para ter mais chances de a sua página aparecer nos resultados de pesquisa dos contratantes. 

Crie alertas de vagas

Não se esqueça de manter os seus meios de contato atualizados para receber todos os alertas referentes às vagas de emprego disponíveis. Uma dica é baixar o aplicativo do LinkedIn no celular para ter acesso a todas as funcionalidades da plataforma, com muito mais praticidade e agilidade. 

Além disso, você pode se cadastrar para receber notificações resumidas de notícias por e-mail uma vez por dia ou por semana. Assim, sempre que os perfis e as páginas do seu interesse postarem algo novo, você receberá um alerta para visualizar os conteúdos.

Agora que você já sabe como usar o LinkedIn de forma otimizada, lembre-se de compartilhar mais das suas ideias e de inserir informações novas sempre que achar necessário. Embora pareçam pequenas, essas ações podem impulsionar a sua página e torná-la mais estratégica e atrativa para as empresas que estão em busca dos melhores candidatos.

Gostou do conteúdo de como criar um perfil no LinkedIn? Aproveite a visita e entre em contato com a equipe da EAD UniCesumar pelo WhatsApp agora mesmo para descobrir como podemos ajudar você a potencializar o seu currículo profissional!

Comentários

Comentários